quinta-feira, 1 de novembro de 2018

Júlio Cavalcanti defende manutenção da Delegacia contra Corrupção


          Em uma nota de esclarecimento aonde justificou sua ausência nas votações do projeto de lei de autoria do governador Paulo Câmara (PSB) que extinguia a Delegacia de Combate a Corrupção em Pernambuco, o deputado estadual Júlio Cavalcanti (PTB) criticou o governo do estado pela forma apressada de votação e defendeu a manutenção da Descap (Delegacia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos).

Na nota, o parlamentar trabalhista diz que não participou das votações devido agenda anteriormente marcada e viagem à serviço, mas aproveitou para criticar o Governo do Estado por não abrir a discussão do tema com a sociedade.

“Somos totalmente contra a extinção da Descap, que ao longo de sua atuação combateu com competência e independência a corrupção em nosso Estado. Infelizmente o governo não abriu a discussão colocando a matéria de forma urgentíssima e, contrariando o sentimento da população que expressou isso nas urnas, deu um duro golpe no combate a corrupção em nosso Estado”, disse Júlio Cavalcanti.

Assim como o deputado Júlio Cavalcanti outros parlamentares que não puderam estar presentes a votação justificaram suas ausências por meio de nota, a exemplo de Silvio Costa Filho (PRB), líder da oposição, e Álvaro Porto (PTB) devido ao fato de seus nomes estarem circulando nas redes sociais como favoráveis ao projeto do governo Paulo Câmara. 

Confira abaixo a nota de Júlio Cavalcanti:


Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search