terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Esquema de funcionários fantasmas em Igarassu é investigado pela Polícia Civil

              O presidente e o vice-presidente da empresa de urbanização de Igarassu, no Grande Recife, são alvo de uma investigação sobre desvio de dinheiro público através de um esquema de funcionários fantasmas. Segundo a Polícia Civil, os dois e uma assessora foram presos em cumprimento de mandado nesta terça-feira (26), na Operação Urbanizar.

O diretor Integrado Metropolitano, delegado Ivaldo Pereira, explica que o esquema utilizava dados de pessoas que se quer sabiam para fazer falsos contrato de prestação de serviço.

A Vara Criminal da Comarca de Igarassu emitiu, ainda, sete mandados de busca e apreensão. A investigação começou em outubro de 2018 e está sob o comando do delegado Adyr Martens.

Uma investigação sobre tráfico de drogas e homicídios resultou, também nesta terça-feira (26), na operação Arraial, no Recife. Durante a ação, são cumpridos dez mandados de busca e apreensão, emitidos pela Vara Criminal da capital.

Foram escalados 60 policiais, que ficam sob o comando da delegada Lídia Barci, responsável pelas investigações. Os detalhes devem ser divulgados durante a manhã, na Delegacia de Casa Amarela, na Zona Norte do Recife. Do G1

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search