quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

Três são presos em operação que investiga sonegação de cerca de R$ 16 milhões em impostos

             Três pessoas foram presas em uma operação desencadeada pela Polícia Civil de Pernambuco desencadeou, nesta quarta-feira (5). A ação é de combate a uma quadrilha envolvida com sonegação fiscal e partiu de Glória do Goitá, na Zona da Mata Norte do estado. Um empresário da Bahia, que estava em um hotel do em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, foi preso. 

Segundo os investigadores, a suspeita é de que a empresa dele tenha sonegado R$ 16 milhões em impostos. As prisões ocorreram após mandados de prisão expedidos pela única Vara da Comarca de Glória do Goitá. Foram expedidos, ainda, três de busca de apreensão domiciliar.

As investigações da 'Operação Octanagem' começaram em agosto deste ano. O nome da operação faz referência ao índice de resistência de combustíveis utilizados em motores. Elas tiveram início sob o comando da delegada Priscilla Von Sohsten e teve apoio da Delegacias Contra a Ordem Tributária (Deccot) e do recém-criado Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Draco), vinculados a Diretoria Integrada Especializada (Diresp).

Na execução, trabalham 40 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães. Segundo a Polícia Civil, esta é a 63ª operação de repressão qualificada de 2018.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search