terça-feira, 10 de julho de 2018

Justiça anula dissolução da Executiva do PPS em Pernambuco


             A 6ª Vara Civil da Capital, do Tribunal de Justiça de Pernambuco, anulou a Resolução Orgânica nº 07/2018 do Diretório Nacional do PPS, assinada pelo seu presidente Roberto Freire, que dissolvia a executiva estadual, eleita no Congresso realizado no dia 02 de abril deste ano, sob argumento de descumprimento do Estatuto do partido.

 O deputado federal Daniel Coelho (PPS) destacou a coesão da legenda para o período eleitoral. "Não existe duas partes do partido, estamos todos integrados com projetos nas chapas para federal e estadual. A decisão da Justiça só confirma óbvio", ressaltou. Já o advogado Felipe Ferreira Lima, ex-presidente do PPS no Recife, não compreende a decisão que manteve a chamada "guarda compartilhada do diretório estadual". Da Folhape

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search