terça-feira, 21 de maio de 2019

Pernambucano, dono da banda Brucelose, é o 3º presidente da Embratur em 5 meses


          O presidente Jair Bolsonaro nomeou Gilson Machado Guimarães Neto para a presidência da Embratur. A nomeação foi publicada no "Diário Oficial da União" desta terça-feira (21). Gilson Machado é o terceiro presidente da Embratur no governo Bolsonaro, que está em seu quinto mês.

A Embratur, subordinada ao Ministério do Turismo, é responsável pela política nacional de turismo com a promoção de destinos, serviços e produtos turísticos brasileiros no mercado internacional.

O último presidente, Paulo Roberto de Oliveira Senise, tinha sido nomeado havia pouco mais de uma semana, no último dia 10 de maio. A nomeação de Senise foi anulada nesta terça.

No final de março deste ano, a então presidente do órgão , Teté Bezerra, pediu demissão. No mesmo dia, em transmissão em uma rede social, Bolsonaro disse que mandou demitir a presidente da empresa em razão de um jantar que, segundo ele, custaria R$ 290 mil.

Filiada ao MDB, Teté assumiu a presidência da Embratur em maio de 2018, ainda no governo Michel Temer. Ela substituiu Vinicius Lummertz, que deixou a Embratur na ocasião para assumir o Ministério do Turismo.

Antes de ser nomeado para comandar a Embratur, Gilson Machado atuava como secretário de Mudança do Clima e Florestas do Ministério do Meio Ambiente. Ele tinha sido nomeado para o cargo em janeiro deste ano.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search