quarta-feira, 17 de abril de 2019

Polícia Federal e Civil prendem oito assaltantes de bancos em Santa Cruz do Capibaribe

       A Polícia Federal com o apoio do BEPI, deflagrou na manhã da terça-feira (16), em Santa Cruz do Capibaribe a "Operação Burgos", que resultou na apreensão de quatro veículos, duas armas de fogo, sendo uma pistola e um revólver, luvas e tocas-ninja e na prisão de oito pessoas, Claudemar José da Silva, vulgo “Cal”; Roberta Katiuska da Silva Dutra; Edemar José da Silva, vulgo “Dema”; José Ederaldo Araújo Teixeira; Thiago Pereira da Silva; Felipe Graciliano de Lima; Ewerton Paulo da Silva e Lucas Felipe Araújo Barbosa.

De acordo com o delegado da Polícia Federal, Dr. Carlo Marcus Correia, essa quadrilha é chefiada pelo “Cal” que é esposo da Roberta e irmão do “Dema”, todos de Caruaru e os demais integrantes são de outras regiões do Nordeste, Thiago Pereira é do interior da Bahia, Felipe e Ewerton são de João Pessoa na Paraíba e José Ederaldo é de Alagoas e estavam se organizando para sequestrar os familiares do gerente e do tesoureiro da agência do banco Itaú de Santa Cruz do Capibaribe e foram presos quando iriam cometer a empreitada criminosa, o casal Roberta e “Cal” foi preso ao sair de um motel, enquanto que Thiago, “Dema”, Felipe, Ewerton e Lucas foram presos quando deixavam uma casa no bairro Bela Vista, onde estavam homiziados há três meses e o Ederaldo foi preso em Caruaru.

Todos os acusados e o material foram levados para a sede da Polícia Federal em Caruaru, onde serão autuados em flagrante pelos crimes de extorsão mediante sequestro e associação para o crime e serão apresentados na audiência de custódia da justiça federal em Caruaru.

O chefe da quadrilha, “Cal”, já foi preso com o irmão já falecido, “Dó”, que foi assassinado em Caruaru há alguns anos, após cometerem um assalto numa agência na cidade de Chorrochó, no interior da Bahia.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search