quarta-feira, 26 de junho de 2019

Fenearte chega à 20ª edição e acontece a partir do dia 3 de julho

            A Fenearte, maior feira de artesanato da América Latina, chega à sua 20ª edição entre os dias 3 e 14 julho, no pavilhão do Centro de Convenções, em Olinda. Com investimento de R$ 5,5 milhões, o evento contará com 5 mil expositores, distribuídos em 800 espaços em uma área de 30 mil metros quadrados. Pernambuco terá 70% de participação, mas a feira também vai contar com representantes de 20 estados brasileiros, além de 20 países.

A Fenearte já se tornou uma oportunidade de negócios e movimenta a economia local, com a geração de 2,5 mil vagas temporárias de empregos e com expectativa de superar o montante gerado em negócios na edição passada, que chegou a R$ 43 milhões. 

Além de um atrativo para os visitantes, a feira já se tornou uma forma de fortalecer a cadeia produtiva do artesanato em Pernambuco. A estimativa é que a 20ª edição da Fenearte atraia 300 mil visitantes, o que ajuda a, além de induzir negócios e apoiar as cadeias produtivas, impulsionar o turismo no estado. Segundo pesquisa realizada no ano passado, 75% dos visitantes são pernambucanos.

Mas o turismo não é apenas interno, já que 22% dos turistas são de fora do estado. Dentro deste universo, 70% tiveram o evento como motivo para visitar Pernambuco. A maioria veio da Paraíba (6,2%), seguido de Alagoas (3,7%), Rio Grande do Norte e São Paulo (2,3%). “Além disso, 1,2% dos turistas são estrangeiros, sendo, dentro desse percentual, 28% da Argentina, 28% Canadá, seguidos do México, Peru e Suiça, com 14% cada. O gasto médio deles na Fenearte é de R$ 5 mil", explica Rodrigo Novaes, secretário de Turismo de Pernambuco.

Esta edição, que tem o tema "Ciranda de Todas as Artes" e tem como homenageados Lia de Itamaracá, Dona Duda e o Mestre Baracho, conta com, além dos expositores, uma programação intensa, que inclui oficinas gratuitas, palestras abertas ao público, rodada de negócios, desfiles, apresentações culturais e atividades infantis. O espaço ainda vai abrigar a Alameda dos Mestres, com 64 artistas pernambucanos, e praça de alimentação.



O Sebrae Pernambuco contará com um espaço de 540 m2, com loja colaborativa e exposição. Além disso, lá serão realizadas rodadas de negócios, com estimativa de acontecer 500 encontros. "No ano passado, foram gerados R$ 4 milhões em negócios e neste ano esperamos incrementar esse número em 10%. A gente atrai os lojistas para que eles conversem com os artesãos e, até a semana passada, já tínhamos 40 lojistas inscritos, principalmente do Sul e Sudeste. E trabalhamos com os artesãos para que eles tenham a visão de que essa é uma vitrine, é um contato comercial que pode, inclusive, despertar interesses futuros na carteira do comprador", ressalta Alexandre Alves, gerente da RMR e Zona da Mata do Sebrae. 

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search