sexta-feira, 14 de junho de 2019

A Coluna: O Catimbau a caminho de um projeto sustentável para Buíque


             O prefeito de Buíque, Arquimedes Valença, deu início ontem a um projeto que promete ser o embrião de algo maior que pode transformar definitivamente o Vale do Catimbau em alavanca econômica para o município que, assim como a grande maioria das cidades sertanejas, sofre com a redução de recursos e aumento das obrigações. Alia-se a isso a herança pesada deixada pelo governo passado, comandado pelo ex-prefeito Jonas Camelo, marcada por obras inacabadas, paralisia administrativa, desorganização financeira e abandono de comunidades como a do Catimbau. 
    Local que anos antes teve a presença maciça do governo municipal, na gestão passada do atual prefeito (Arquimedes) que abriu estradas, conseguiu inserir o Vale como Parque Nacional, transformou agricultores e pequenos produtores rurais que já não conseguiam viver de sua produção em guias turísticos oferecendo a eles um novo caminho, um novo meio de garantir sua renda e o sustento de sua família. O Catimbau tornou-se ponto atrativo do turismo. 
     Mas, por 08 anos, a região acabou sendo esquecida pelo governo que se dizia novo, entre 2009 e 2016; a estrada e a comunidade foram abandonadas e a obra tão prometida não saía das promessas. O que tinha sido concebido e andava para ser sedimentar como uma fonte de recursos e desenvolvimento para o município acabou ficando de lado por falta de visão estratégica do governo anterior.
      A obra foi retomada já no primeiro ano do atual governo, entregue e abriu um novo ciclo de desenvolvimento para um dos mais belíssimos parques ecológicos do País. Pousadas, hotel fazenda, postos de combustíveis, restaurantes e outros empreendimentos começam a surgir e se programar para serem implementados graças a estrada que hoje aproxima o turista das belezas naturais do Vale do Catimbau. Um ciclo que deverá ganhar novo impulso com um projeto ousado que deve mudar a realidade e a vida dos que ali vivem e do município, transformando o local num verdadeiro centro turístico e marco no desenvolvimento do município. Para isso é preciso dar o pontapé inicial, dar os primeiros passos, preparar os caminhos que deverão ser construídos ao longo dos próximos anos e consolidar numa parceria que deve envolver Município, Estado e União. 
       É aguardar os próximos passos e torcer para que o retrocesso que colocou o parque, o vale e sua gente novamente fora do mapa das prioridades fique apenas no passado e o Catimbau tenha um novo e importante papel para o desenvolvimento econômico e social de Buíque.

No Caminho - Em conversa com a Folha no lançamento do São João do Vale, o prefeito Arquimedes Valença (MDB) revelou que o projeto que vem preparando para dar um impulso ao turismo na região pode ter um aliado de peso. Ele refere-se ao novo presidente da Embratur, o pernambucano e dono da banda Brucelose, o empresário Gilson Machado Neto. O prefeito disse que já está agendando visita a Machado em busca de apoio para impulsionar o turismo sustentável no Vale do Catimbau.

Procura-se! – Algumas empresas que estavam interessadas na concessão dos espaços públicos do São João de Arcoverde que estavam sendo licitados pela prefeitura estão de lupa na mão, mas não conseguem achar quando e como foi feita a licitação para a instalação das estruturas da festa (palcos, camarotes e toldos). É que a tal licitação, que após ser suspensa pela justiça, foi revogada pela comissão de licitação. Se tal processo licitatório (nº 017/2019) também previa a colocação das estruturas e cobranças dos espaços, como então está sendo feito agora? Olha a lupa!


Novo cidadão – Acontece na noite desta sexta-feira (14), no plenário junino pra lá de decorado da Câmara de Vereadores de Arcoverde, a entrega do título de cidadão arcoverdense ao popular Sebastião Alves dos Santos, que já foi secretário no governo Erivânia Camelo (1993/1996) e é conhecido como Professor Pardal da Caatinga. Ele foi destaque no Programa Caldeirão do Huck, na Globo, pelo trabalho que desenvolve no SERTA (Serviço de Tecnologia Alternativa). Natural do interior do Rio Grande do Norte será cidadão de Arcoverde graças a projeto apresentado pela vereadora Cybele Roa (PR).


Garantia Safra – Menos de 15% dos municípios pernambucanos conseguiram liberar os recursos do seguro Garantia Safra referente ao período 2017/2018. Na região de Arcoverde, apenas as cidades de Itaíba, Tupanatinga, Sertânia e Custódia foram contempladas com a liberação das parcelas do seguro que totaliza R$ 750 para cada agricultor que pagou seu boleto ainda em fevereiro. Em Itaíba, a prefeita Regina Cunha entregou o boleto a 1.000 pequenos produtores rurais. Se todos receberem, serão injetados R$ 750 mil na economia local.

Vale no São João – O I São João do Vale, que acontece entre os dias 22 e 24 e dias 28 e 29 de junho na Vila do Catimbau, zona rural de Buíque, promete uma programação variada para os turistas que vem curtir o período junino na região e não tem muito o que fazer durante o dia. A Secretaria de Turismo de Buíque vai receber os turistas na Vila do Catimbau com a realização de trilhas, muito forró pé de serra, samba de coco, apresentação de quadrilhas juninas, visita aos ateliês de nossos mestres artesãos, barracas de bebidas e comidas típicas. A movimentação vai das 08h às 17h.

Fora da agenda – Embora nunca tenha constado da agenda oficial do governador disponível no site oficial do governo, Paulo Câmara (PSB) teria cancelado sua vinda ao município da Pedra nesta sexta-feira (14) para visitar o terreno e assinar um protocolo de intenções (não autorização para obras ou algo parecido) entre Governo do Estado, Prefeitura e a CAB Motors. O objetivo seria a instalação de uma fábrica de veículo no sítio Pau Ferro, zona rural da Pedra. Seria a primeira montadora de veículo erguida na zona rural do Brasil. As outras que existem, particularmente em Pernambuco, localizam-se em parques industriais ou áreas próximas das zonas exportadoras do litoral. 

Amnésia oficial – Com a chegada do período pré-eleitoral, a prefeita de Arcoverde lembra dos buracos e da sujeira da cidade mandando limpar. De quebra inaugura obras e a próxima é a do Parque Linear, em frente ao colégio Antonio Japiassu, que acontece dia 19. Na matéria oficial a referência da origem da emenda e recursos é só o Ministério do Turismo. A prefeita e assessoria omitem os nomes do ex-senador Armando Monteiro Neto, autor da emenda, e do ex-deputado federal, Zeca Cavalcanti que resgatou a emenda que já havia sido perdida pelo município conforme matéria divulgada em fevereiro de 2016 pela Folha. Entre 2013 e 2014, a prefeita de Arcoverde perdeu mais de R$ 4 milhões em emendas de Armando. 

Pra lá de atrasados - Com seis meses de atraso, somente hoje a prefeitura de Arcoverde publicou edital de chamamento público para selecionar empresas fabricantes/distribuidoras e/ou representantes do nicho de cervejas, refrigerantes e similares interessadas em patrocinar a edição 2019 do São de Arcoverde. Em Caruaru isso foi feito lá em janeiro. A interessada terá que apresentar a documentação no dia 21 de junho, coincidentemente data da abertura da festa e, se ganhar, vai poder ter exclusividade de seus produtos nos 10 polos oficiais do São João.

O Melhor São João – Não é em Arcoverde que acontece o melhor São João do Estado, segundo a cantora Anitta, uma das atrações mais caras do São João desfigurado da Terra do Samba de Coco. Pra quem tem dúvida é só curtir o vídeo da cantora no instagram aonde declara ser Araripina o Melhor São João de Pernambuco. Veja e ouça:

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search