terça-feira, 12 de março de 2019

Arcoverde: Servidores da Câmara de Vereadores ganham 10% de aumento


           Após dois anos de mandato à frente da presidência da Câmara de Vereadores, a presidente da Casa James Pacheco, vereadora Célia Almeida Galindo (PSB) concedeu um reajuste salarial da ordem de 10% para todos os servidores efetivos da casa legislativa. Os chamados assessores e cargos comissionados ficam de fora do reajuste.

Segundo a Mesa Diretora, o reajuste, anunciado pela presidente na sessão da última sexta-feira (08) e aprovado por unanimidade, recompõe as perdas salariais dos dois últimos anos e beneficia unicamente os servidores de carreira, sem comprometer ainda mais o Fundo de Previdência, que hoje já é deficitário, já que os descontos dos salários desses servidores vão diretamente para o fundo.

Diferente da última gestão da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores, comandada pelo ex-vereador Miguel Leite de Siqueira (PSB), quando em quatro anos foram concedidos mais de 50% de aumento salarial, de forma automática, a Câmara desta vez resolveu apenas recompor as perdas de 2017 e 2018 segundo informações de servidores da casa.  

Atualmente a Casa James Pacheco tem um déficit mensal de mais de R$ 40 mil  junto ao Fundo de Previdência, como é relembrado em quase todas as sessões da casa, devido em muitos casos ao número pequeno de servidores efetivos e a incorporação de vantagens salariais criadas ao longo de décadas, de forma aleatória, para os funcionários da casa.  

A prefeita de Arcoverde bem que poderia seguir a medida adotada pela Câmara Municipal e promover o aumento ou recomposição salarial dos servidores efetivos do município. Está aí uma pauta para o sindicato dos servidores públicos municipais de Arcoverde.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search