sábado, 23 de março de 2019

Arcoverde: protesto marca dia Nacional de Luta contra a Reforma da Previdência


    Manifestantes se reuniram no Centro de Arcoverde para primeiro ato de protesto contra a Reforma da Previdência, nesta sexta-feira (22). De acordo com os organizadores, a manifestação reuniu lideranças de várias entidades sindicais e populares, além de servidores públicos. 

O protestou começou por volta das 09h, em frente ao prédio do Instituto Nacional da Seguridade Social, quando vários oradores se revezaram com palavras de ordem e críticas a proposta do governo Bolsonaro de reforma das aposentadorias de homens e mulheres. 
Da frente do INSS os manifestantes saíram em caminhada até a Câmara de Vereadores, na Av. Cel. Antônio Japiassu aonde promoveram novos discursos contra a reforma da Previdência. 

Em Arcoverde, o protesto foi coordenado pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Arcoverde - Sintema e Sindicato dos Bancários. Participaram ainda da manifestação a OAB, FETAPE, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Central Única dos Trabalhadores (CUT), Sintepe, Sindicato dos Comerciários, e Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).
As manifestações aconteceram em todo o Estado, inclusive na Capital pernambucana. No Recife, o presidente da CUT-PE, Paulo Rocha, disse que o protesto faz parte de uma agenda nacional de manifestações contra a reforma da Previdência. A reforma é muito danosa que só quem ganha com ela é o setor bancário. É preciso acabar com os subsídios às empresas, cobrar suas dívidas, e assim, a Previdência solidária é completamente viável", afirmou. 

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search