sábado, 6 de julho de 2019

Arcoverde: Provedores de Internet tem prazo definido para se regularizarem


           Até o dia 15 de Agosto, as empresas provedoras de internet têm que apresentarem o KMZ: um tipo de mapeamento dos postes que já estão sendo utilizados por eles em toda a cidade de Arcoverde. Esse foi um dos encaminhamentos definidos durante reunião entre os provedores e a Companhia Energética de Pernambuco – Celpe, como revelou a vereadora Zirleide Monteiro (PTB) em suas redes sociais.

A reunião foi motivada por uma ação da Celpe que no último dia 10 de junho iniciou um processo de corte de cabos dos provedores sem mesmo notificar as empresas responsáveis. A denúncia foi feita primeiramente aqui, na Folha, e acabou repercutindo na sessão ordinária da Câmara de Vereadores.

De acordo com a parlamentar trabalhista, após o processo de apresentação do KMZ acontecerá uma nova reunião para que seja providenciado projeto, documentação e várias outras providências acertadas entre provedores e a Celpe. Para Zirleide Monteiro, o encontro foi satisfatório.

“A reunião foi bastante positiva, pois a companhia elétrica demonstrou a todos a forma correta de instalação dos equipamentos de forma a atender as normas de segurança da Celpe. Ficou definido ainda que a base do contrato entre provedores e Celpe.

terá como exigência o uso de fibra ótica, mas ficou acertado entre a companhia e as empresas de internet que será dado um prazo para adequação a esse tipo de material”. 

No encontro estavam o Analista de Relacionamento da Celpe de Garanhuns, Amilson Braz, além de uma equipe de Recife da companhia elétrica. Além da vereadora Zirleide Monteiro, participaram as vereadoras Cybele Roa, Cleriane Medeiros e João Taxista.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search