quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Funcionários denunciam distribuidora de Pesqueira por alterar validade de produtos para vender


         A TV Asa Branca informou que funcionários de uma distribuidora de Pesqueira, no Agreste de Pernambuco, denunciaram a empresa por alterar a validade de produtos para vendê-los. De acordo com os trabalhadores, as datas eram modificadas a pedidos do dono da distribuidora. Entre os alimentos estavam latas de leite em pó para bebês.

A denúncia chegou por meio de vídeo no WhatsApp da TV Asa Branca. Nas imagens, é possível ver alguns funcionários adulterando as datas de vencimento de várias mercadorias. Também no vídeo, trabalhadores conversam sobre o que o dono da distribuidora havia mandado fazer. Veja um trecho da conversa entre dois funcionários:

"- Tá vencido isso aí, é?
- Boa é que não tá, pra tá escondido...
- Tá fazendo o quê com essas cervejas?
- Fazendo a data que o patrão manda, ó...
- Tá vencida, é?
- É... vencida... pra todo mundo beber... quem quiser beber.
- E o leite? E o leite?
- Também...
- Ó, leite de criança, tá vendo?"

O gerente da empresa que foi denunciada disse à produção da TV Asa Branca que a informação não procede e que a distribuidora está com todos os documentos de fiscalização em situação regular, inclusive o de Vigilância Sanitária. O gerente informou ainda que está à disposição para cooperar com as investigações necessárias.

Diante do caso, o Procon de Caruaru explicou como o consumidor deve agir em casos como este de Pesqueira. Seja com produtos que estão com a validade meio apagada, inexistente, adulterada ou, até mesmo, se o consumidor encontrar mercadorias sendo vendidas fora do prazo de validade, o Procon deve ser acionado, assim como a polícia, seja Civil ou Militar.

A denúncia pode ser feita por telefone. O número do Procon de Caruaru é o (81) 3727-0289.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search