quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Aberta a II Feira Literária do Sertão em Arcoverde

Kelly Rosa na abertura da II Felis (imagem Zalxijoane Ferreira)
         Foi aberta agora à noite, em Arcoverde/PE, a segunda edição da Feira Literária do Sertão – FELIS. O evento, que acontece na Praça Winston Siqueira, consiste em uma ação de militância cultural que vem sendo realizada por iniciativa do COCAR – Coletivo Cultural de Arcoverde, um grupo de artistas e ativistas culturais do município de Arcoverde, que se esforça para promover, dentre outras ações,  políticas públicas do livro, da leitura, da literatura e das bibliotecas no Município e Região.

A CEPE – Companhia Editora de Pernambuco abraçou a ação e, a partir desta segunda edição, passa a ser a parceira do COCAR na realização da feira literária, que visa consolidar na agenda cultural da cidade e região a realização de uma grande ação anual de literatura, afirmando Arcoverde como um polo de visibilidade, intercâmbio e debate sobre as produções literárias, as práticas leitoras desenvolvidas e demais expressões artístico-culturais que dialogam com a literatura.

Estas são as  estratégias de ação da Feira:

Felisinho – com o tema “O Lugar da Literatura na Cultura da Infância”, serão realizadas atividades como contação de histórias e oficina de confecção de brinquedos populares.

Estandes – exposição e venda de livros em torno do palco da Arena Cultural.
Arena Cultural – espaço de formação de plateia para atividades literárias, desde recitais poéticos e outras manifestações artístico-culturais em diálogo com a literatura como música, encenações, etc.

Rodas de Diálogos – mesas temáticas com pautas relativos às políticas públicas do livro, da leitura, da literatura e das bibliotecas, além de relatos de experiências de práticas exitosas de incentivo à leitura.

Lançamento de Livros – lançamentos de obras de escritores nordestinos.

Felis Gastrô – com o mote “O Diálogo da Literatura com a Gastronomia”, ao longo dos quatro dias da FELIS, pontos comerciais da gastronomia oferecerão em seus cardápios pratos, de simples sanduiches a refeições sofisticados, em homenagem a nomes e a títulos de grandes autores e autoras e a obras literárias.

A Literatura e seus Afazeres – realização de oficinas destinadas a pessoas e grupos atuantes na área da literatura e ao público em geral. Haverá atividades de formação e de apoio a escritores.

A programação hoje iniciou com uma oficina de Literatura de Cordel, ministrada para os alunos da rede municipal de ensino pelos poetas da Associação dos Poetas e Prosadores de Tabira – APPTA. O momento aconteceu no EREMA Carlos Rios e teve como facilitadores Dulce Lima, Neide Nascimento e o consagrado Dedé Monteiro (Patrimônio Vivo da Cultura Pernambucana).

Às 18:30, na Praça Winston Siqueira, os alunos do Curso de Pedagogia da AESA – Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde, orientados pela Professora Simone Salvador, apresentaram a atividade denominada “Jogos e Brincadeiras Populares”, onde o público da FELIS será convidado a participar de atividades lúdicas com brinquedos tradicionais.

Na abertura oficial da FELIS houve um momento de saudação aos estudantes com a leitura de um texto literário por Maria Eduarda, aluna da Escola Municipal Alfabeto. A estudante foi finalista do Concurso Ler Bem, um projeto de incentivo à leitura realizado recentemente no Estado de Pernambuco.

A cerimônia contou ainda com o espetáculo Cantigas do Sertão para Voar, encenado pelo grupo Eleonor (Sertânia/PE). Na sequência  o lançamento do livro Hipnotizaram a Realidade do escritor Flávio Magalhães e encerra com apresentações musicais de Kelly Rosa e Noé Lira.


Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search