terça-feira, 2 de outubro de 2018

Armando pergunta sobre Operação Fair Play, ação da PF no Palácio e Paulo não responde


             Em mais uma rodada de perguntas de candidato para candidato no debate da TV Globo na noite desta terça-feira (02), o candidato do PTB, Armando Monteiro Neto, questionou a opinião do governador e candidato à reeleição Paulo Câmara (PSB) sobre a Operação Torrentes que levou a Polícia Federal a entrar no palácio do Campo das Princesas.


Na resposta, o socialista não respondeu nenhuma linha sobre o caso que identificou o desvio de recursos no Gabinete Militar, que fica na sede do Governo do Estado, que seriam destinados para as vítimas das enchentes na Mata Sul em 2010. Se defendeu dizendo que era servidor público e não tinha seu nome citado.

Na tréplica, Armando lembrou que o nome de Paulo Câmara estava sim envolvido em outra operação da Polícia Federal conhecida por Fair Play, que investiga desvio de recursos na construção da Arena Pernambuco. Na época, Câmara integrava a equipe que administrava os recursos da obra e seu nome está na lista dos investigados.

Armando ainda lembrou que o governador foi citado na delação da Odebrecht como um dos políticos pernambucanos que receberam recursos desviados de obras públicas. O governador respondeu novamente dizendo que era servidor e que ia continuar a trabalhar como estava trabalhando. Para o candidato trabalhista, Paulo fugiu mais uma vez das respostas. 

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search