quarta-feira, 11 de julho de 2018

Socorristas comemoram seu Dia à espera da ambulância que a prefeitura não libera


          No dia em que um dos grupos de socorristas mais conhecidos e atuantes de Pernambuco comemora o Dia dos Socorristas, 11 de julho, o GSVA (Grupo de Socorristas Voluntários de Arcoverde) festeja a data com um sentimento de frustração. 

É que há cerca de 90 dias a ambulância adquirida com emenda parlamentar do deputado federal Zeca Cavalcanti (PTB) está em Arcoverde, mas não foi entregue ao grupo pela prefeitura de Arcoverde como deveria já ter ocorrido.

No dia 18 de maio, em entrevista na rádio Itapuama FM, o parlamentar trabalhista cobrou da prefeita Madalena Britto (PSB) que pagasse a ambulância que estava há trinta (30) dias no pátio da concessionária da Fiat, em Arcoverde, a espera de ser faturada e paga. Três dias após a entrevista a prefeita mandou pagar o veículo, mas, desde lá, ainda não entregou a ambulância aos Socorristas de Arcoverde. Para isso vem utilizando dos mais variados argumentos. 

A informação é de que o veículo só seria entregue após a compra dos últimos equipamentos, o que já teria ocorrido. Agora dizem que estão à espera de um parecer jurídico da Promotoria Pública, do tribunal de Justiça, daqui a pouco também só falta esperar um parecer do juiz Sérgio Moro.

O GSVA – O Grupo de Socorristas Voluntários de Arcoverde foi fundando no ano de 2011 por Geneildo e um grupo de amigos, e tem como objetivo prestar socorro às vítimas que necessitem de um atendimento rápido, colaborando então para a sobrevivência da pessoa. O Grupo tem em média a participação de 50 profissionais na área da saúde e segurança. Mais de seis mil pessoas já foram salvas ao longo destes anos de dedicação do GSVA ao povo de Arcoverde.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search