sexta-feira, 6 de julho de 2018

Governo põe Padilha à frente do Ministério do Trabalho


            O ministro Eliseu Padilha (MDB) assumirá interinamente o comando do Ministério do Trabalho com o pedido de exoneração de Helton Yomura. Ele acumulará a função com a chefia da Casa Civil, que já ocupa.

A decisão foi tomada na noite desta quinta (5) pelo presidente Michel Temer, após Yomura comunicar sua demissão. Antes, o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, anunciara que partido colocava o cargo à disposição.

O Planalto hesitou ao longo de todo o dia sobre o que fazer. Favoreceram um desfecho as dificuldades para reverter com celeridade o afastamento dele no Judiciário. O recurso natural seria à Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal, que está em recesso e só volta a se reunir em agosto.

Nesta quinta mesmo, Temer se reuniu com aliados para definir o comando na pasta e, com isso, evitar que o escândalo de venda de registros sindicais se prolongue e afete ainda mais o governo.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search