quarta-feira, 13 de junho de 2018

Madalena dispensa de função servidora que recebeu R$ 14 mil na Educação


         Motivo de discursos e até de pedido de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI por parte dos vereadores Zirleide Monteiro (PTB) e Heriberto do Sacolão (Podemos), a servidora Rita de Cassia, identificada em março com um salário bruto de R$ 14 mil, foi dispensada de uma das funções que exercia cumulativamente, contrariando a lei, em portaria assinada pela prefeita Madalena Britto (PSB).

Através da Portaria número 403/2018 assinada com data do último dia 07 de junho e publicada no Diário Oficial dos Municípios na edição desta quarta-feira (13), a prefeita Madalena Britto resolve “DISPENSAR a servidora efetiva do quadro deste Município Rita de Cassia Tenório de Siqueira da função gratificada de INSPETORA”. A portaria retroage os efeitos a partir de 01 de junho de 2018.

A dispensa acontece após a revelação por parte deste site e de discursos da vereadora Zirleide Monteiro que denunciou uma série de salários considerados exagerados na área administrativa da Secretaria de Educação, entre elas a da referida servidora que em março passado recebeu um salário bruto de R$ 14.301,65. Além dela, outros servidores teriam recebidos salários que variavam de R$ 8,7 mil a R$ 9,3 mil.
Na penúltima sessão, a vereadora Zirleide Monteiro apresentou requerimento para abertura de uma CPI que foi rejeitada pela Câmara de Vereadores. Depois a Secretária de Educação, Patrícia Padilha, emitiu nota em um blog local dizendo que não havia irregularidade e estava tudo certo, sendo a matéria talvez maliciosa. Então se descobriu que a servidora exercia duas funções gratificadas há mais de ano, contrariando a lei, fato confirmado com a decisão da prefeita de dispensar a servidora Rita de Cassia de uma de suas duas funções.

Já segunda-feira passada (11), a vereadora e presidente da Câmara, Célia Galindo (PSB), aliada da prefeita, questionou o salário da tal servidora dizendo que isso não podia acontecer e que a secretaria era “uma panelinha” que só beneficiava um mesmo grupinho de governo a governo.

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search